USA, FL (904) 436-1577
  • Argentina Argentina: +54 (11) 5984-1811
  • Brazil Brazil: +55 (21) 3500-1548
  • Chile Chile: +56 (22) 581-4899
  • Spain España: +34 (95) 093-0069
  • Guatemala Guatemala: (502) 2268 1204
  • Mexico Mexico: +52 (33) 1031-2220
  • Panama Panama: +507 (7) 833-9707
  • Peru Peru: +51 (1) 709-7918
  • United States United States: +1 (904) 250-0943

Viroses em cultivos de hortaliças.

Sem conhecimento, os nossos trabalhadores são a causa de transmissão de Viroses nos cultivos.

 

Os vírus são fitopatogênicos que causam doenças (viroses), que afetam de diversas maneiras os cultivos agrícolas. Estes agentes infecciosos são de tamanho tão pequeno que é impossível em um microscópio composto. Os vírus estão inativos quando estão fora do seu hospedeiro e precisa de um meio de transporte e/ou transmissão (vetor). Estas doenças (viroses), geram prejuízos através da redução do crescimento e produção, bem como a distorção e manchas nos frutos.

A mão-de-obra torna-se um vetor de transmissão de patógenos, reduzindo a incidência do trabalho manual usando HORTOMALLAS ajuda a reduzir as doenças nos cultivos de hortaliças.

A mão-de-obra torna-se um vetor de transmissão de patógenos, reduzindo a incidência do trabalho manual usando HORTOMALLAS ajuda a reduzir as doenças nos cultivos de hortaliças.

Em 1898, Martinus W. Beijerinck que era professor catedrático na Universidade Técnica de Delft, definiu como “contagium vivum fluidum” os agentes infecciosos que hoje conhecemos como “vírus”. Posteriormente, mediante alguns testes realizados, deu-se conta que podiam ser mais pequenos do que as bactérias, que não se podem multiplicar na ausência de um ambiente de vida (sejam organismos unicelulares ou multicelulares). Foram necessários 50 anos para provar que estes “agentes infecciosos” são diferentes das bactérias e, que consistem em material genético infeccioso. O Vírus do mosaico do tabaco (TMV) foi o primeiro vírus a ser identificado, causando viroses em plantas de tabaco. Os sintomas que as plantas apresentam, são: malhado, necrose, atraso no crescimento, amarelecimento e deformação das folhas. Todos os sintomas são apresentados de acordo com o desenvolvimento da planta. Este vírus pode afetar cultivos importantes como tomate, pimenta, berinjela e a maioria das plantas que pertencem à família das solanáceas. Outros vírus que causam viroses por transmissão

mecânica são: o vírus da mancha anelar (TRSV), vírus do mosaico do tomateiro (ToMV), vírus do enfezamento vermelho do tomate(TBSV), entre outros. Entre as boas práticas agrícolas, existem métodos pelos quais se previne as viroses nos cultivos. A tutoria é uma das práticas agrícolas que tem vindo a melhorar ao longo do tempo. Hoje em dia, existem malhas de polipropileno como HORTOMALLAS que suportam os cultivos e, ao contrário da ráfia, reduzem consideravelmente a manipulação de plantas por trabalhadores (ver aqui como a malha treliça reduz os fitopatogênicos). Assim, previne-se as viroses que se transmitem de forma mecânica aos cultivos. Além disso, também permite uma melhor ventilação e melhora a qualidade do produto, impedindo que os frutos toquem o solo úmido (evitando manchas ou contrair algum patógeno).

Biol. Enrique Chevarín

 

Hortomallas Hortomallas

HORTOMALLAS manufactures and markets crop support nettings (trellising and tutoring as alternatives to the raffia twine labor intensive traditional system) that increase crop quality. Our Mission is to: INCREASE VEGETABLE CROP YIELD AND PROFITABILITY TO ALL THOSE VEGETABLES THAT NEED TUTORING AND SUPPORT USING NETTING INSTEAD OF RAFFIA. Since 1994 we help professional growers and farmers improve their cucumber, tomatoes, melon, zucchini, bean, chile, peppers crops where trellises and supports are needed. HORTOMALLAS is the ideal system for cucurbitacea and solonacea to improve their phytosanitary conditions, while increasing the solar exposure and the brix degrees. Besides the obvious labor costs savings, the use of HORTOMALLAS increases the life span of the plant, allowing longer periods of harvests and of a greater quality. Call us, our crop specialists will help you with specialized attention in the Americas and the Iberian Peninsula!

Leave a comment

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.